Todas as edições do curso

2, Dez
2019

Inscrever Detalhes
Manifestar interesse

Informação sobre o curso

  • Horas

    3600

  • Condições de Inscrição

    Oferta de formação, de dupla-certificação, especialmente ajustada às necessidades de pessoas com deficiência e/ou incapacidade, com idade igual ou superior a 18 anos, e que não possuam uma qualificação adequada ao exercício de uma profissão ou ocupação de um posto de trabalho, permitindo a aquisição e/ ou consolidação de competências - profissionais, pessoais, sociais e relacionais - e promovendo a sua inclusão social e profissional.
    Em situações excecionais, podem aceder a este percurso, jovens com idade inferior a 18 anos, desde que o estabelecimento de ensino onde se encontra inscrito comprove a incapacidade de frequentar o mesmo.

    Os/ As destinatários/as do curso de Assistente Administrativo/a e de Apoio ao Armazém são pessoas portadoras de deficiência e/ ou incapacidade que:
    - Tenham completado os 18 anos e/ ou apresentem o diploma que confere o nível secundário de educação;
    - Estejam inscritos/as como candidatos/as a emprego no IEFP, IP.;
    - Apresentem diagnóstico clínico, pedagógico e psicológico adequado.

  • Objectivo Geral

    Prestar cuidados de apoio direto a adultos e crianças, sob supervisão, no domicílio ou em situação de internamento ou semiinternamento em estabelecimentos e serviços de apoio social, respeitando as indicações da equipa técnica e os princípios deontológicos.

  • Objectivos Específicos

    - Preparar o serviço relativo aos cuidados a prestar, selecionando, organizando e preparando os materiais, os produtos e os equipamentos a utilizar;
    - Prestar cuidados básicos de higiene, de conforto e de saúde aos assistidos, de acordo com as orientações da equipa técnica;
    - Executar as tarefas relativas ao serviço de refeições, de acordo com as orientações da equipa técnica;
    - Executar as tarefas de limpeza e arranjos dos espaços, dos equipamentos e da roupa;
    - Colaborar na prevenção da monotonia e do isolamento dos assistidos, de acordo com as orientações da equipa ténica;
    - Articular com a equipa técnica, transmitindo a informação pertinente sobre os serviços prestados, referenciando, nomeadamente, situações anómalas respeitantes aos assistidos;

  • Metodologia

    Organização de sessões teórico-práticas de acordo com metodologias expositivas, através da apresentação dos conteúdos e temáticas.
    Nas diversas sessões a metodologia activa será desenvolvida através da aplicação de propostas de trabalho que permitam a análise e reflexão de estudos de casos, Brainstorming’s e Role Play’s de forma a potenciar a aprendizagem pela utilização prática da linguagem.

  • Conteúdos Programáticos

    Noções de:
    1 – Tipologia e características das instituições e serviços de apoio social;
    2 – Nutrição e dietética;
    3 – Animação e lazer;
    4 – Desenvolvimento infantil;

    Conhecimentos de:
    5 – Língua portuguesa;
    6 – Comunicação e relações interpessoais;
    7 – Cuidados básicos de higiene pessoal e conforto;
    8 – Cuidados básicos de saúde;
    9 – Higienização de espaços e equipamentos;
    10 – Lavagem e tratamento de roupa;
    11 – Regras básicas de nutrição, higiene e repouso das crianças;
    12 – Confeção e serviço de refeições;
    13 – Normas de segurança, higiene e saúde da atividade profissional;
    14 – Ética e deontologia da atividade profissional;

    Saberes-Fazer
    1 – Exprimir-se de forma a facilitar a comunicação com os assistidos e a equipa técnica;
    2 – Utilizar os procedimentos de organização e preparação dos materiais, produtos e equipamentos que utiliza;
    3 – Aplicar as técnicas e os procedimentos relativos aos cuidados básicos de higiene pessoal e de conforto dos assistidos;
    4 – Adequar os cuidados de higiene e conforto às necessidades e características do assistido;
    5 – Aplicar os procedimentos relativos aos cuidados básicos de saúde;
    6 – Aplicar as práticas de atuação em situações de urgência;
    7 – Utilizar as técnicas de confeção de alimentos na preparação de refeições básicas;
    8 – Adequar as refeições às características dos assistidos, tendo em conta o equilíbrio alimentar e as indicações da equipa técnica;
    9 – Utilizar as técnicas e os procedimentos do serviço de refeições;
    10 – Utilizar as técnicas e os procedimentos de armazenagem e conservação dos produtos alimentares, medicamentos e outros produtos utilizados;
    11 – Utilizar as técnicas de limpeza e arrumação dos espaços e equipamentos;
    12 – Utilizar as técnicas de lavagem e tratamento de roupa;
    13 – Aplicar as técnicas de animação mais adequadas às necessidades e interesses dos assistidos;
    14 – Aplicar regras básicas de nutrição;
    15 – Identificar as diversas fases de desenvolvimento de uma criança;
    16 – Identificar os principais problemas de saúde das crianças e os procedimentos necessários a adotar como prevenção e como atuação;
    17 – Detetar sinais ou situações anómalas referentes às condições de higiene e conforto do assistido, bem como referentes a outras situações;
    18 – Aplicar as normas de segurança, higiene e saúde relativos ao exercício da atividade;

    Saberes – Ser
    1 – Respeitar os princípios de ética e deontologia inerentes à profissão;
    2 – Motivar os outros para a adoção de cuidados de higiene e conforto adequados;
    3 – Respeitar a privacidade, a intimidade e a individualidade dos outros;
    4 – Revelar equilíbrio emocional e afetivo na relação com os outros;
    5 – Adaptar-se a diferentes situações e contentos familiares;
    6 – Promover o bom relacionamento interpessoal;
    7 – Tomar a iniciativa no sentido de encontrar soluções adequadas na resolução de situações imprevistas;

Manifestar interesse